Infografia

01.O Populismo tem ideologia?

1 FEVEREIRO 2017 | 22H00

Os populistas estão a ganhar terreno na Europa. A crise financeira, a ameaça terrorista e as vagas de imigrantes que chegam à União Europeia fizeram ressurgir estes movimentos, que muitos consideram a maior ameaça à democracia no Continente. Nos EUA, Trump espelha o fenómeno.

Reveja o programa

O populismo é considerado por muitos a principal ameaça à democracia na Europa. Do Reino Unido à Áustria, de Espanha a Itália, os partidos anti-sistema, que defendem a vontade do povo contra as elites, estão a ganhar força.

O fenómeno não é novo, mas tem encontrado eco em partidos da direita à esquerda, aproveitando o descontentamento dos cidadãos com a crise financeira e as instituições políticas, o medo da ameaça terrorista e do fluxo de imigrantes a chegar à União Europeia.

A eleição de Donald Trump nos EUA faz temer um efeito dominó na Europa, que se prepara para eleições em França, Holanda e na Alemanha. Mas hoje, partidos com características populistas já fazem parte dos governos de sete países europeus.

O que esperar agora deste fenómeno? Tem ideologia? Vai continuar a crescer? É um real perigo para uma Europa liberal? São as respostas a estas e muitas outras perguntas que o Fronteiras XXI quer esclarecer, num modelo de debate mensal inovador.

O programa estreia com convidados de peso: frente a frente vão estar o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a investigadora Mónica Brito Vieira e o cronista e professor universitário João Pereira Coutinho. Na plateia sentam-se 30 espectadores. Alguns colocarão as suas perguntas directamente aos oradores.

Convidados neste programa

Marcelo Rebelo de Sousa Presidente da República Portuguesa Chefe de Estado desde Março de 2016, foi eleito com o voto de 2,4 milhões de portugueses (52%). Mas as sondagens revelam que o seu índice de popularidade está a bater recordes, ultrapass...
Mónica Brito Vieira Investigadora da Universidade de York Nasceu no Porto, há 42 anos. Depois de se licenciar em Relações Internacionais, Culturais e Políticas na Universidade do Minho fez um mestrado em Teoria Política no Instituto de Estudos...
João Pereira Coutinho Cronista e professor universitário É doutorado em Ciência Política e Relações Internacionais pela Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, onde também dá aulas. Licenciou-se em História, na variante História de ...

As melhores questões têm lugar marcado no debate!

Pode escolher o convidado a quem quer deixar a sua mensagem. Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório. Os lugares estão condicionados à lotação do espaço. A selecção das melhores questões e/ou comentários é da responsabilidade da direcção deste programa.
    

SABIA QUE

?
Há 6 paises europeus onde o maior partido político é populista. É o caso da Hungria, Grécia, Itália, Polónia, Eslováquia e da Suiça. Fronteiras XXI
O presidente Donald Trump fechou a fronteira dos EUA a refugiados e muçulmanos de sete países
A candidata presidencial Marine Le Pen promete “acabar com o recreio” dos imigrantes ilegais em França, pondo fim à educação gratuita para estrangeiros O populismo apoia a soberania popular e a regra da maioria, mas rejeita o pluralismo e os direitos das minorias, diz Cas Mudde

Notícias XXI

O debate sobre Populismo em oito perguntas
Os populistas europeus que vão marcar 2017
Lobo Xavier escreve sobre Populismo e Democracia
O populismo e a «guerra civil universal», artigo de Luís Amado
Afinal o que é o Populismo?
Os alertas do Presidente

Notícias nos media

  Marcelo diz que sistema político mais plástico tem evitado populismos em Portugal
  Jorge Sampaio fala numa nova Europa dividida num contexto Internacional de incertezas
  Lagarde lembra em Davos que alertou para os riscos do populismo